Participe das Iniciativas

O SulAmérica Saúde Ativa foi feito para você! Por isso trazemos iniciativas
para uma vida mais saudável, que oferecem cuidados por completo.

Iniciativa desejada

Dados pessoais

/ /
-
*Campos obrigatórios

As Iniciativas Saúde Ativa estão disponíveis para os Segurados SulAmérica Saúde. Para conhecê-las, clique em Pra Você > Iniciativas.

Se preferir, entre em contato via e-mail saudeativa@sulamerica.com.br ou pela Central de Atendimento
SulAmérica 0800-970-0500 para tirar suas dúvidas ou participar da iniciativa.

Recebemos seu interesse em participar do Saúde Ativa! Em breve entraremos em contato.
OK

Matérias



Metade dos casos de doenças mentais começa aos 14 anos, aponta OMS Estilo de Vida

Home > Matérias > Estilo de Vida > Metade dos casos de doenças mentais começa aos 14 anos, aponta OMS

Doenças Mentais na Adolescência

De acordo com relatório recente divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), metade de todos os transtornos de saúde mental se inicia por volta dos 14 anos de idade e quase 3\4 dos casos se manifesta aos 20.

Entre os transtornos mais incapacitantes que afetam o público jovem se destaca a depressão, que muitas vezes resulta em suicídio - terceira principal causa de mortes entre adolescentes de 15-19 anos.

A OMS estima ainda que, em todo o mundo, 10% a 20% dos adolescentes vivenciem problemas de saúde mental, porém a maioria permanece sem o diagnóstico e o tratamento adequado.

A falta de conhecimento da sociedade e o estigma em torno do assunto até mesmo por profissionais de saúde são as barreiras responsáveis pela negligência aos sinais dessas doenças, de acordo com a instituição.

Fatores que ameaçam a saúde mental do jovem

A adolescência (10 a 19 anos) é uma fase caracterizada por grandes transformações físicas e psicológicas na vida do ser humano. Nesse período, de transição para a vida adulta, o jovem vivencia um turbilhão de emoções e situações sociais que o tornam vulnerável a condições mentais.  

Pressão para ser aceito por seus pares, desejo de maior autonomia, exploração da identidade sexual e maior acesso às tecnologias são alguns dos fatores que impactam negativamente na saúde mental do adolescente.

Além disso, muitos comportamentos e situações de risco também estão envolvidos, tais como bullying na escola, violência sexual, gravidez precoce, conflitos familiares, doenças crônicas e abuso de substâncias ilícitas.

Na maioria dos países, o consumo de álcool e outras drogas são questões preocupantes. De acordo com a OMS, a prevalência de episódios de consumo intenso dessas substâncias entre adolescentes de 15 a 19 anos foi de 13,6% em 2016.

E, isso joga um alerta para o aumento de riscos adicionais, como a prática de sexo inseguro e o consequente aumento da transmissão de infecções sexualmente transmissíveis.

Sinais e sintomas de transtornos mentais

A conscientização sobre essas doenças e o reconhecimento dos sinais são fundamentais para o diagnóstico precoce e prevenção. Fique atento em manifestações como:

  • Humor deprimido ou irritável

  • Diminuição do interesse por atividades que antes davam prazer

  • Perda ou ganho de peso significativo

  • Queda no rendimento escolar

  • Fadiga

  • Isolamento

  • Insônia ou excesso de sono

  • Dificuldades de concentração

  • Inquietação ou movimentos lentificados

  • Pensamentos sobre morte ou suicídio

Se observar que esses sintomas são constantes, procure a ajuda de um psiquiatra, que poderá realizar o diagnóstico e tratamento mais adequado.

Voltar